Governo Admite que Talvez Pubs Permaneçam Fechados
|

A notícia que os pubs abrirão em 21 de setembro animou os residentes na Irlanda, porém a onda de crescimento de infecções destes últimos dias pode ser um balde água fria no plano de reabertura dos Pubs aqui na Capital.

Governo preocupado

As notícias de que as infecções por Coronavírus podem dobrar em Dublin nas próximas semanas se nenhuma precaução for imposta nos próximos dias tem afetado os ânimos dos residentes e tem deixado o governo em alerta.
Os relatórios diários do Departamento de Saúde vem demonstrando uma semana com números de infecções na casa das centenas por dia, um número que já não se alcançava com tanta facilidade e pior ainda se considerarmos picos de centenas na mesma semana, tivemos picos de 306 novos casos na última terça-feira dia 08 e 2011 casos na sexta-feira dia 11 de setembro.

Sobre a reabertura dos Pubs

O Governo já adiantou que não garantiu que os Pubs irão mesmo reabrir dia 21 e que consultará o NPHET( National Public Health Emergency Team – A Equipe Nacional de Emergência de Saúde Pública é um grupo dentro do Departamento de Saúde da Irlanda que, de acordo com o ex-Ministro da Saúde Simon Harris, está atualmente “supervisionando e fornecendo orientação e aconselhamento especializado em todo o serviço de saúde e no serviço público em geral, no resposta nacional à “doença por coronavírus 2019 (COVID-19). [1]) para conselhos sobre o assunto.

Cuidado e consciência é a mensagem do dia

O Dr. Ronan Glynn implora para os residentes da capital reduzirem o contato social ao máximo, em um vídeo publicado pelo Departamento de Saúde ele pede para “evitar lugares cheios. Priorizar as pessoas que você precisa ver, porém manter grupos pequenos e vê los com frequência ao invés de se reunir com grupos diferentes de pessoas de diferentes casa”

Compartilhe:

1 comentário em “Governo Admite que Talvez Pubs Permaneçam Fechados”

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.